Hoje olhei para minhas mãos…

… unhas longas, esmalte chanel cor de rubi como há alguns dias não estavam… mãos de mãe, mãos de estilista, mãos criadoras e que alimentam…

… pensei assim: obrigada Deus por essas mãos!

Porque com elas tenho conquistado tantas coisas, feito obras que alguns consideram arte, que eu considero filhos…

… sigo desenhando, pensando, criando em qualquer pedacinho de papel, capa de livro, guardanapo de sorveteria…

… sou assim mesmo, mãos para toda obra…

… que parou um tempinho para usá-las em pegar no colo, dar de mamar, enxugar lágrimas de emoção.

Mas que agora voltam com tudo para o lado B da história, para o lado divertido, emocionante, suado.

Estou voltando pro atelier…

… de corpo, porque de alma nunca saí de lá.

2011 será marcado por muita coisa boa, linda, rodada, justa, marcada, solta, leve, nem tanto, rendada, lisa…

… tudo com minhas mãos lá presentes, em cada detalhe, em cada agulhada.

O vestido Anne Marie é especial. Tem muito de minhas mãos, tem história, tem Paris, tem amor. Um dia eu conto.

Coleção Porter 2011.

Fotos feitas no palácio do governo do estado de Minas Gerais. Make Up Marcus Martinelli, Fotos Cristina Lima, Joias Talento, Bouquet Berta Bismarker.

7 comentários

Deixe seu comentário!

Current day month ye@r *